Sinais E Tratamento Da Sinusites

Quando falamos em sinusites, sabemos que existem tipos diferentes da doença e que variam de acordo com o tempo de duração e frequência de ocorrência. A sinusites é uma inflamação da mucosa que está nos seios nasais, que são cavidades ocas presentes no nosso rosto que podem ser infectadas por fluídos, bactérias, vírus, etc. Se não é tratada, pode se desenvolver a uma infecção.

Os tipos de sinusite são:

  • Aguda (se parece a um resfriado, dura em média 4 semanas).
  • Sub-aguda (dura em média 4 a 8 semanas).
  • Crônica (permanece com os sintomas perceptíveis por mais de 12 semanas).
  • Recorrente (ocorrem várias vezes em um mesmo ano).

Se ficou com vontade de descobrir mais sobre como reconhecer a sinusites e como trata-la, acompanhe a leitura!

 

  • Como reconhecer

A sinusites aguda, como comentamos anteriormente, se parece muito a um resfriado em relação aos sintomas, porque se trata apenas de uma infecção temporária. A sinusites crônica possui sintomas muito parecidos com os da aguda, mas persistem por mais tempo, independentemente se há tratamento, já que frequentemente se trata de um desvio do septo e/ou pólipos nasais.

Entre todos os sintomas mais frequentes, a febre é um deles que indica que o seu caso se trata de uma sinusites aguda e não crônica. Mas para saber se é crônica, você deve sentir uma dor, uma maior sensibilidade e inchaço na área dos olhos, nariz, testa e bochecha, regiões próximas aos seios nasais.

A redução ou perda de olfato também são sintomas muito frequentes em pacientes com sinusites, além do congestionamento ou obstrução nasal, que consequentemente provoca dificuldade para respirar. Catarro amarelo esverdeado e/ou mucoso sendo excretados pelo nariz ou garganta também é um sinal de sinusites.

Sintomas mais recorrentes e menos específicos, mas que acompanham a todos esses, são: náuseas, mau hálito, dor de garganta, dor de ouvido, tosse, dores nos dentes e maxilar superior, fadiga e irritabilidade.

sinais-e-tratamento-da-sinusites2

  • Como tratar

Para tratar a sinusites precisamos primeiro saber o que vamos tratar. Procure tratamentos que reduzam a inflamação nos seios nasais, que possam ajudar a manter a passagem nasal aberta, que elimine o germe, vírus ou bactéria que tenha causado e que reduzam os sintomas que são consequência da sinusites.

A sinusites aguda tem uma média de duração de 7 a 10 dias, o que significa que o tratamento é de acordo com os sintomas que o paciente sente e sinta desconforto, é sintomático. São raros os casos que se complicam e agravam.

Uma solução de água e sal, quando inseridas no nariz, ajudam a limpar as secreções nasais provocadas pela sinusites. Os famosos descongestionantes, em forma de spray ou de comprimidos, podem ser encontrados em farmácias e drogarias, mas devem ser usados apenas em casos extremos e por não mais de 3 dias.

Os corticosteroides, em spray ou comprimidos, servem para tratar aquelas pessoas com pólipos nasais, com o uso por poucos dias. Antibióticos indicados pelo médico para tratar a sinusites agudas proveniente de bactérias, se o seu caso for o de uma sinusites crônica, talvez seja melhor avaliar com o seu médico a eficiência do antibiótico no seu tratamento.

A imunoterapia está sendo procurada para tratar a sinusites que está sendo agravada por uma reação alérgica. Já alguns casos que a obstrução nasal é muito grave, a cirurgia também é uma opção de tratamento viável.

Como tratamentos que você pode incluir no seu cotidiano se está com sinusites é beber mais água, realizar a lavagem nasal, dormir com a cabeça mais elevada que o resto do corpo, descansar com frequência e a hidratação das cavidades nasais.

 

Lembre-se que o diagnóstico de sinusites e as suas variações só pode ser dado por um médico profissional, o nosso objetivo é apenas o de orientar para um futuro diagnóstico e tratamento correto.

Deixe uma resposta