Emagrecer perder barriga – Como emagrecer perder barriga

Muitos fatores irão afetar os resultados de sua dieta. Hoje veremos duas dicas que podem turbinar seu emagrecimento e fazer com que você chegue ao peso ideal logo, e com saúde! Dicas como essas, apesar de um tanto simples, podem causar grandes impactos nos resultados de uma dieta bem preparada, e a melhor parte é que é realmente simples de adiciona-los a sua rotina diária.

Duas dicas para você emagrecer e perder barriga eficientemente!

1. REEDUQUE A FREQUÊNCIA DE SUAS REFEIÇÕES

A reeducação é um passo importante para quem deseja fazer dieta, mas essas mudanças não devem aparecer apenas durante a dieta, elas são importante também para manter o peso perdido após o fim da dieta. Não manter os hábitos criados em período de dieta, é um erro muito comum: veja bem, se a pessoa fizer todas as mudanças importantes para uma dieta de qualidade (substitui carboidratos simples por complexos, por exemplo), e após atingir seus objetivos voltar aos hábitos ruins que fizeram, em outro momento, com que ela engordasse, só irá resultar em uma coisa: o ganho de peso, novamente! Lembre-se disso. Vamos continuar…

A dieta é, portanto, como um intermediário, uma ponte para uma vida mais saudável. e manter o peso perdido. (gostou? poste isso no twitter!)

A dica número um se trata de mudar a frequência com que você faz refeições, mas não para menos, para mais: faça refeições de 3 em 3 horas (5-7 refeições diárias).

Porquê? Há 3 excelentes motivos para você fazer isso:

  1. Fazendo refeições de 3 em 3 horas garantirá que seu metabolismo mantenha-se acelerado, pois estará em constante processo de digestão. Acaba uma digestão, começa outra. Seguir a dica resulta em um melhor desempenho durante a dieta.(claro, note bem que essas refeições devem ser preenchidas com boas escolhas alimentícias).
  2. Com 5-7 refeições, você não irá comer grandes pratos de uma vez, repartirá sua necessidade diária (caso não saiba como calcular o quanto você precisa comer por dia, clique AQUI ) em pequenas porções que irão manter você saciado o tempo todo.
  3. Além disso tudo, fazendo essa simples mudança, você automaticamente passará a fazer escolhas mais saudáveis. Pense comigo: fazendo esse esforço de mudar e regrar suas refeições todos os dias, o motivará a continuar com as mudanças que uma boa dieta requere, tais como escolhas mais saudáveis, academia etc. Em minha opinião, seguir essa simples “regra” pode nos colocar em um âmbito de vida saudável e comprometido com a dieta que será extremamente benéfico.

Como? Novamente, simples:

– Vamos supor que você está seguindo uma dieta na qual consome um total de 2.000 kcal/dia. Seguindo essa dica, você faria 6 refeições por dia, distribuindo esse total de 2.000 kcal nelas. Por exemplo:

  • 08:00 → 450 kcal
  • 11:00 → 400 kcal
  • 14:00 → 300 kcal
  • 17:00 → 250 kcal
  • 20:00 → 350 kcal
  • 23:00 → 250 kcal

6 REFEIÇÕES POR DIA – OBSERVAÇÕES

Enquanto essa nossa primeira dica seja bastante simples, algumas dúvidas quanto a ela podem aparecer. Irei deixar algumas observações que sem dúvida ajudarão a inserir essa dica em sua vida com sucesso.

Não seja rigoroso com os horários: Como vimos, a idéia é alimentar-se a cada 3 horas (ou mesmo a cada 4). Há imprevistos em nsosas vidas e não podemos controlar tudo. Sendo assim, é importante que tenha em mente que atrasar ou adiantar uma refeição NÃO TEM PROBLEMA. Se atrasar até 1 hora, simplesmente faça a refeição depois. Caso tenha que pular totalmente a refeição, sugiro que redestribua o que você comeria naquela refeição para o resto do dia.

Tenha suas refeições prontas: Pode ser complicado lidar com refeições a cada três horas por falta de tempo de ficar saindo para comer, parando para cozinhas, etc. Tendo isso em mente, muita gente segue essa dica de forma efetiva preparando muito de suas refeições anteriormente, deixando-as prontas ou semi-prontas. Vale a pena fazer listas do que irã comer também.

Diminua a quantidade de carboidratos nas refeições conforme o dia passe: Conforme o dia passa, para a grande maioria das pessoas, vamos relaxando mais e nosso corpo passa a gastar menos energia. Como já sabemos, carboidratos são fonte de energia principal para nosso corpo e se precisamos de menos energia no fim do dia, faz sentido diminuir gradualmente a quantidade de carboidratos que estamos ingerindo, certo? Segue um exemplo para ter isso mais claro em sua mente (como fazer). Caso não saiba como calcular quanto de carboidrato você precisa por dia veja nosso artigo que ensina a fazer isso passo-a-passo: COMO CALCULAR MACRONUTRIENTES QUE PRECISO

Supondo que você irá consumir 120 gramas de carboidrato em um dado dia:

  • 08:00 – 30 g
  • 11:00 – 20 g
  • 14:00 – 25 g
  • 17:00 – 15 g
  • 20:00 – 10 g
  • 23:00 – 10 g

Sinta-se livre para efetuar suas mudanças, apenas tenha o mindset geral em mente.

Veja também

Pode soar muito escravo da dieta contar meticulosamente esses números. No entanto, você deve ter apenas um senso do que come. Minha sugestão é utilizar o aplicativo MyFitnessPal. Você perderá apenas 5 minutos para cada refeição e terá tudo anotado e controlado, sem esforço, sem ser escravo de dieta.

dicas-para-emagrecer

2. SEJA UMA PESSOA MAIS ATIVA

Nos dias de hoje, o incomum são as pessoas ativas. Estamos mais sedentários que nunca. E a atividade física é extremamente importante!

Quando falamos sobre emagrecer, é extremamente benéfico praticar atividades físicas. Dois ótimos motivos são:

  1. Irá, assim como a dica 1, lhe inserir em um pensamento mais saudável. Fazendo exercício, comendo a cada 3 horas, tudo faz com que você entre em um estado de equilíbrio. Além dessa tendência de passar a fazer escolhas mais saudáveis que irá surgir, o exercício físico é um grande motivador (o exercício como motivador é para mim, uma razão bastante importante).
  2. Contribui, e muito, para o emagrecimento: Enquanto nossa alimentação represente 70% da dieta (e seus resultados), e a atividade física apenas 30%, esses 30% podem ser grandes influenciadores para os resultados de sua dieta.

Ok, mas como começar?

Escolhas qual será sua atividade física

O primeiro passo para se tornar mais ativos, é selecionar uma atividade física para implementar em sua rotina, criar o hábito e sair do sedentarismo de vez. Muitas e muitas vezes, as pessoas, com intenção de emagrecer, vão para academia (o local mais comum), e correm, andam de bicicleta, fazem musculação. Por vezes, fazem tanto isso que passam a amar!

Mas há uma lista muito grande para colocarmos em um só lugar das opções de atividades físicas. Particularmente, gosto muito de natação. Escolher uma atividade física que lhe agrade é um grande passo para criar um hábito duradouro, ser mais saudável e tornar tudo mais divertido e fácil!

Há, por exemplo, até mesmo brincadeiras de crianças que podem ser extremamente saudáveis e benéficos, como pular a corda igual se faz quando pequeno.

Simplesmente comece!

Não há muito segredo após escolher o que deseja fazer. Claro, você deverá ir se inscrever em algum lugar (caso necessário) e então, começar. É importante que você crie metas, e que sejam realistas para você realmente praticar o exercício que escolher.

Algo tão pequeno quanto praticar o exercício 2x por semana, durante 20 minutos, é um grande passo e inicio. Em poucas semanas você estará fazendo 3x por semana, 1h por dia – e melhor, amando!

Crie o hábito

Costumamos tentar, planejar e mesmo criar hábitos que queremos, nos desfazer de outros. Mas muitas vezes nossos planos simplesmente desmoronam e tudo vai errado. Seguindo métricas de pesquisas e experiências pessoais, sugiro que você tenha um mês para criar o hábito, e depois se monitore outros 30 dias para que esse hábito criado seja consolidado de vez!

Claro, são números que devem ser analisados de pessoa para pessoa, então simplesmente tente e experimente. Mas esses 30 dias de criação e 30 dias de manutenção garante uma criação de hábitos para virtualmente qualquer pessoa.

Lembre-se: Seja flexível e não force

Novamente, siga um mindset de que tudo isso é você adicionando um novo hobbie saudável em sua vida, sendo assim, nada aqui deve ser chato ou forçado. Não vá treinar todos os dias. Não se culpe porque pulou um dia. Se não estiver gostando, parta para outra atividade física. Entendeu a ideia, não?

CONCLUSÃO

Sairmos de uma vida sedentária e com maus hábitos alimentares é bastante complicado (mas não difícil) se você tiver consistência e ser realista. Passo a passo todos conseguem. Aqui ficam apenas dois pontos de vários em que (espero), possam lhe ajudar a produzir essas mudanças em sua vida. Boa sorte!

Deixe uma resposta