Giardíase – CID 10: A07.1

Infecção por protozoários que atinge, principalmente, a porção superior do intestino delgado. A maioria das infecções e assintomática e ocorre tanto em adultos, quanto em crianças. A infecção sintomática pode apresentar-se de forma aguda com diarréia, acompanhada de dor abdominal (enterite aguda) ou de natureza crônica, caracterizada por fezes amolecidas, com aspecto gorduroso, fadiga, anorexia, flatulência e distensão abdominal. Anorexia, associada com ma absorção, pode ocasionar perda de peso e anemia. Não ha invasão intestinal.

Fecal-oral. Direta, pela contaminação das mãos e conseqüente ingestão de cistos existentes em dejetos de pessoa infectada; ou indireta, por meio da ingestão de água ou alimento contaminado.

Identificação de cistos ou trofozoitos, no exame direto de fezes, pelo método de Faust; ou identificação de trofozoitos no fluido duodenal, obtido através de aspiração. São necessárias, pelo menos, três amostras de fezes para obter uma boa sensibilidade. A detecção de antígenos podem ser realizados pelo Elisa, com confirmação diagnostica. Em raras ocasiões, poderá ser realizada biopsia duodenal, com identificação de trofozoitos.

Veja também

O período desde a ingestão dos cistos até o surgimento da doença varia de 1 a 4 semanas. A maioria das infecções tanto em adultos como em crianças é assintomática caracterizando-se apenas pela eliminação do microrganismo. A infecção sintomática pode grassar com amplo espectro de manifestações clínicas desde diarréia aguda com fezes aquosas e dor abdominal até diarréia crônica conseqüente à má absorção o que acarreta esteatorréia (fezes com excesso de gordura com mau odor e que aderem às paredes da louça sanitária) propiciando o surgimento de deficiência das vitaminas lipossolúveis e até mesmo déficit de crescimento. Os sintomas diarréicos são devidos a toxinas produzidas pela Giárdia e a reação é atribuída à multiplicação dos parasitas.

Secnidazol para adulto: 2g, via oral, dose única. Secnidazol para criança: 30mg/kg ou 1ml/kg, dose única tomada após uma refeição. Tinidazol* para adulto: 2g, via oral, dose única. Metronidazol para Adulto: 250mg, via oral, 2 veses ao dia, por 5 dias. Metronidazol para criança: 15mg/kg/dia (Maximo de 250mg), via oral, dividida em 2 tomadas, por 5 dias. OBS: não usar bebida alcoólica durante dias após o tratamento (efeito antabuse). Medicamento contraindicado em gestantes.

As principais recomendações para se prevenir dos riscos de infecção são: • Educação sanitária: Em particular o desenvolvimento de hábitos de higiene; lavar as mãos após o uso do banheiro. • Gerais: Filtração da água potável. Saneamento. • Isolamento: Pessoas com Giardíase devem ser afastadas do cuidado de crianças. Dicas de prevenção para viajantes: A.G. lamblia é reconhecida com um agende etiológico da “diarréia dos viajantes” em zonas endêmicas. Os cistos podem resistir até 2 meses no meio exterior e são resistentes ao processo de cloração da água. A infecção pode ser adquirida pela ingestão de água proveniente da rede pública, com falhas no sistema de tratamento, ou água superficiais não tratadas ou insuficientemente envolvendo atividades sexuais, resultante do contato oral-anal.

Deixe uma resposta