GINO-TRALEN Óvulo Vaginal

Não tome remédio antes de ir a um médico

Antifúngico e tricomonicida atua de forma a prejudicar a integridade da membrana celular do fungo instalado, o que acaba por matá-lo. Uso Ginecológico.

Este moderno derivado do imidazol (bifonazol, econazol, oxiconazol) é um fungistático-fungicida, conforme sua concentração, que possui um amplo espectro sobre diferentes variedades de fungos e algumas bactérias Gram-positivas e Gram-negativas produtoras de sobreinfecções das micoses cutâneas. O tioconazol apresenta, além disso, um efeito significativo sobre Chlamydia trachomatis, Gardnerella vaginalis e certos protozoários como Trichomonas vaginalis. Frente às dermatofitoses e leveduras, possui uma rápida ação fungicida superior à dos outros antimicóticos imidazólicos. Seu mecanismo de ação é duplo, já que em baixas concentrações desenvolve um efeito fungistático que se relaciona com a inibição da biossíntese do ergosterol, o que gera a desorganização da membrana celular e a alteração de seu funcionamento. Em troca, em concentrações elevadas atua como um potente fungicida por ação direta sobre a parede celular. A diferença com outros agentes imidazólicos é que o tioconazol não atua durante a fase de crescimento logarítmico da Candida albicans e C. parapsilosis, e sim, apresenta uma ação similar sobre a fase estacionária destas leveduras.

Indicações: Dermatofitose, tínea pedis (pé de atleta), tínea cruris (eczema marginado de Hebra), tínea corporis (herpes circinada), tínea capitis (tinha do cabelo), onicomicose (tínea das unhas). Pitiríase versicolor, candidíase cutânea, eritrasma, infecções vaginais (vaginite, cervicite) e monilíase. Micoses vaginais.

Veja também

Contraindicações: Hipersensibilidade aos derivados imidazólicos.

Precauções: Usar absorvente higiênico para o produto não manchar as calcinhas. Evitar as relações sexuais durante o tratamento. Não aplicar nos olhos.

Efeitos colaterais: Coceira; descamação da pele; dor durante o ato sexual; dor vaginal; edema vulvar; irritação local; problema urinário; queimação; ressecamento da secreção vaginal.

Atenção: O uso de qualquer medicamento só deve ser feito por recomendação e orientação de um médico, essas informações são de caráter meramente educativos e não substituem em hipótese alguma a avaliação de um especialista médico.

Deixe uma resposta