Tratamento para Candidíase

Hoje vamos falar sobre candidíase, uma doença que se desenvolve através da bactéria Candida Albicans, que se multiplica formando uma infecção encontrada em maior número entre as mulheres. Esse micro-organismo está presente em todo ser humano, porém a sua manifestação ocorre nos genitais, causando coceira na vagina, ardência, vermelhidão e inchaço. Nos homens raramente aparece, mas quando se manifesta ocorre pequenas lesões puntiformes, além dos mesmos sintomas já citados.

Tratamento para Candidíase

Existem diversos fatores que podem causar a candidíase, mas a principal delas é a baixa imunidade de defesa do organismo. Quando combinadas com os fatores citados abaixo, a condição para que a Candida Albicans aumente desproporcionalmente na região genital é perfeita. Os principais causadores da candidíase, que também é considerada pelos médicos como uma micose são:

  •  Antibióticos
  •  Gravidez
  •  Diabetes
  •  Infecções
  •  Deficiência Imunológica
  •  Anticoncepcionais
  •  Corticoides
  •  Medicamentos Imunosupressivos
  •  Obesidade
  •  Uso de roupas justas
  •  Sprays Nasais que contenham Cortisona e/ou Eteróides

Além da coceira e irritação na região da vagina, o que mais preocupa as mulheres é o corrimento vaginal, que acontece de modo espesso, como leite coalhado.
É suma importância que todos saibam que a candidíase é uma doença sexualmente transmissível e que é preciso ter cuidados para que não se agrave. A medicina ressalta que os agentes etiológicos desse tipo de doença, não sobrevivem fora do corpo humano, tendo como reservatório o genital humano.

Veja também

Antes de iniciar qualquer tratamento por conta, procure um médico ginecologista para que ele faça os devidos exames e dê o diagnóstico completo da situação. O tratamento é rápido e em 75% dos casos se estabelece cura em seis semanas no máximo.

Todo o tratamento é feito com antimicóticos e antifúngicos durante o período de 3 a 7 dias, combinado com uma dieta alimentar bastante enriquecida, indicada por um bom nutricionista, pois esta etapa do tratamento servirá para aumentar a imunidade do paciente.

Para evitar que a candidíase se manifeste, siga algumas dicas que podem ser eficazes:

– use sabonete neutro ou íntimo para a higienização das genitais
– evite o uso de toalhas e roupas íntimas de outras pessoas
– seque bem todo o corpo, além de fazer a higiene pessoal sempre da vulva para o reto e nunca ao contrário.
– costume lavar as roupas íntimas com água fervente e sabão e procure passar com o ferro.

Deixe uma resposta